InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Vida

Ir em baixo 
AutorMensagem
Flá

avatar

Feminino Peixes Cabra
Idade : 27
Mensagens : 32

MensagemAssunto: Vida   Qui Out 27, 2011 10:29 pm

    A família de Lorelai tinha uma pequena rede de hotéis em expansão na Alemanha que passava por grandes problemas administrativos desde que o irmão de Lorelai, Severus Kruger Audrich roubou boa parte do dinheiro da família e afundou a administração dos hotéis. Sua família nunca foi extremamente rica, mas tinha dinheiro para se manter com um status, e para algumas poucos estripulias. Com o desfalque de seu irmão, o pai de Lorelai necessitava que ela se casasse com alguém que detinha dinheiro e que pudesse restabelecer a ordem e as finanças nos hotéis e na família. Lorelai se casou com Isaac por puro interesse financeiro, e a pequena rede de hotéis Krich Haus foi agrupada a grande rede Rauschenberger, que tinha estabelecimentos nos mais diversos lugares do mundo. Presos em um casamento sem amor, Isaac traía a esposa constantemente, enquanto ela fingia não saber o que estava acontecendo. Lorelai se focou em seu trabalho para esquecer as mágoas que aquele relacionamento trazia a ela. Domadora de testrálios, vivia a maior parte do seu tempo na casa de campo, onde podia trabalhar tranquilamente sem o incomodo de ter Isaac por perto. Apesar de amar o desafio de domar animais difíceis, tinha uma paixão incontrolável pelos testrálios, então se focou neles e era conhecida por sua habilidade com estes animais em específico.

    Algum tempo depois de casada, Lorelai ficou grávida, e Isaac a obrigou lagar seu trabalho de domadora, com medo que ela perdesse seu herdeiro. A saída para não morrer de tristeza encontrada por Lorelai foi desviar o seu amor para outra atividade, a qual Isaac não iria poder tirar. Lorelai começou a dar aulas de música e canto para crianças, primeiramente, e mais tarde para alguns jovens e adultos que insistiam com ela. Nesta época, Richard já havia nascido e Isaac se mostrou um pai amoroso, modificando sua maneira de tratar Lorelai. Aos poucos ele foi se apaixonando pela mulher, mas não admitia de forma alguma. Muito enciumado por Lorelai gastar mais tempo dando aulas do que ficando com ele, Isaac proibiu ela de lecionar, deixando ela impaciente e inquieta pela falta de ter o que fazer. Richard nunca foi um bebê que deu trabalho a ela. Com crise de ansiedade e com forte estresse, Lorelai teve que encontrar outra maneira de liberar suas emoções, e dois anos após o nascimento de Rich, com os hoteis de seu marido cada vez mais lotados, Lorelai decidiu montar uma Grife, assinando com o nome de Myrthys Krouspher. A marca, por ela lançada, fez muito sucesso e chamou a atenção de várias pessoas da região onde ela morava. Ela acabou comprando lojas menores e expandindo o mercado na medida que a demanda exigia. Nunca deu passos maiores do que achava que conseguiria dar. Fez seu primeiro desfile quando Richard tinha cerca de oito anos, e também assinou um contrato para o lançamento de perfumes com o nome da marca.

    Apesar das pessoas não associarem Myrthys a Lorelai, ela era uma pessoa que vivia cheia de compromissos e tinha bastante admiradores. Isso fez com que Isaac enlouquecesse de ciúmes dela. Muito possessivo, contratava pessoas para vigiá-la, para saber onde ela realmente estava indo, com quem ela falava. A situação só piorou quando muitos anos depois de ter tido seu primeiro filho, Lorelai engravidou novamente. Isaac começou a acusá-la de de traição, de estar mentindo para ele e suas crises de ciúmes eram cada vez mais pesadas e violentas. Richard assistia as brigas mais sérias e cuidava da mãe, que ainda estava grávida, com medo de perder ela e o bebe que ela esperava. Cada vez mais machucada, Lorelai parou de sair de casa, com vergonha de suas marcas. Quando Katherinne nasceu, mesmo sendo muito parecida com Richard quando era bebe, Isaac começou a desconfiar se ela era realmente sua o que causou grandes problemas.

    Nesta época, Richard já estudava em Sileas, e visitava a mãe frequentemente, pois a depressão que a abateu logo após o parto estava sendo muito severa tanto com ela quanto com Kath. Tentando proteger o máximo que conseguia sua pequenina irmã, ele estava a maior parte do tempo ausente da casa. Kath cresceu em meio a discussões severas entre seus pais, e brigas muito violentas. Tinha muito medo de seu pai, e o respeitava em tudo, obedecendo ele em todas as coisas. Só tinha refúgio quando o irmão estava perto. Richard brincava com ela, passeava, levava ela a lugares diferentes tentando tirá-la de um ambiente sempre pesado e cheio de violência. Ele cuidava de Kath da melhor maneira que podia. Mandava presentes, ensinava ela brincadeiras diferentes, mostrou seus esconderijos na casa, levou livros para ler a ela, ensinou ela falar outras línguas, e era a única pessoa que brincava com ela, pois Kath era proibida de se relacionar com outras crianças.

    Quando Kath tinha três anos, Richard descobriu que seu pai a molestava sexualmente, por não aceitar que ela era sua filha, e com muito ódio, começou a enfrentar seu pai, começando a achar que o que ele fazia com sua mãe errado. Antes achava que era uma coisa normal de relacionamentos, mas apurando melhor, depois de saber o que ele fazia com sua irmã, Richard se rebelou contra Isaac e ficou entre ele e sua mãe milhares de vezes, apanhando, mesmo depois de grande, e nunca tendo falado isso a uma pessoa sequer. Por respeito a seu pai, nunca o machucou, mas não deixava mais ele encostar em sua mãe e tentava evitar que ele tocasse em Kath. Por mais que tentasse, que colocasse feitiços, que a protegesse de todas as formas, seu pai acabava achando uma maneira de tomar Kath pra si.

    Por esse motivo Kath teve uma infância muito difícil. Com Lorelai praticamente invalida pelos machucados que Isaac causara nela, e Richard longe, ela passou a ser o brinquedo de Isaac, e por mais que tentasse afastar esses sentimentos, brincando, ficando perto de Richard quando ele estava perto, e tentando ver a vida de outros modos, se focalizando em aprender o máximo de coisas que podia para poder sair logo de casa, Kath cresceu em maturidade mais rápido do que qualquer criança.

    Aos cinco anos, quando seu pai morreu, foi como se todas as suas lembranças ruins fossem cristalizadas. Agora ela tinha liberdade para cuidar de sua mãe e também de si e ser uma criança normal. Mas os sentimentos que Isaac despertou nela não morreram com ela, e com a situação mental de Lorelai abalada, Kath desmoronou varias vezes. Quando achava que seu irmão iria voltar e colocar tudo nos eixos, a namorada dele, que Kath tinha muito ciúmes por ele sempre estar com ela, falando dela e levando ela a sua casa, impedindo que eles ficassem juntos, ficou grávida, e agora Kath teria que dividir a atenção de Richard com mais duas mulheres.

    No começo tinha muita raiva de Claire e queria matar Elle de qualquer maneira. Não aceitava de maneira nenhuma que sua vida ia continuar a ser o lixo que sempre foi, desde que ela se entendia por gente. Seu único refúgio foram as visitas de Lily a sua casa na Rússia, onde morava desde que seu pai havia morrido. Lily parecia realmente gostar de Richard e não parecia ser egoísta a ponto de tirar ele dela. Gostava dela e queria que ela ficasse e a ajudasse, mas ela sempre ia embora, assim como Richard.

    Toda sua juventude foi cuidar de sua mãe e ser ensinada e repreendida por Richard. Por tentar ser o oposto do que achava que seu pai era, Kath tentou se relacionar com todas as pessoas que conhecia, mas tinha um certo olhar maldoso para todas elas, sempre pensando no que elas poderiam ajudá-la. Conseguiu fechar uma barreira em volta de seus sentimentos sobre seu pai e construir a pessoa que ela gostaria de ser.

    Animada, sempre levava as pessoas para o mal caminho e para a diversão. Não finge para ninguém que é alguém diferente do que ela gostaria de ser. Aprendeu a ser expressiva, a lutar pelo que ela queria, a ser forte, a desafiar as pessoas, a fazer o que quer, a escolher seu caminho e nunca se subjugar a homem nenhum. Isso a fez uma menina bastante popular em Der Burchtzwart. Sua personalidade de menina forte encantava as pessoas mais do que sua beleza de menina. Sendo considerada uma das bruxas mais belas do seu ano, nunca se preocupou em cuidar de sua aparência para impressionar os meninos. Conseguia eles no puro charme, no encanto do seu sorriso. Sua teimosia em fazer o que quer, independentemente das consequências a colocou em brigas com outros bruxos. Foi assim que sua rixa com Laura Loctite começou, e se estendeu até Kath se formar. Apesar de não considerar ela uma inimiga, tinha implicância por tudo que a bruxa e seus amigos faziam, e seu desentendimento com Laura foi o único conhecido por todos os que estudaram e conheceram ela em Der. Teve vários relacionamentos enquanto estudava, todos escondidos da família e todos muito traumáticos, porque sempre recordavam o que seu pai fez a ela. Depois que transou a primeira vez, com um menino chamado Kraus Kzvar, perdeu o medo de ser violentada, e começou a ser mais liberal no sentido sexual, procurando se divertir, e não relembrar do passado, embora muitas vezes não conseguisse fazer isso.

    No período escolar se afastou um pouco de sua mãe e irmão. Buscava maneiras de se defender e viver sozinha. Mas nos últimos anos passou um bom tempo com Richard e sua família esquisita. Apesar de ainda ter um certo ciúmes de Claire e Elle, já se relacionava bem com elas, principalmente com Elle, que foi ganhando seu coração aos poucos, e hoje é uma das sobrinhas preferidas. Já seu relacionamento com Lily e os outros três filhos de Richard se tornaram bem suaves pois Kath sempre quis que eles ficassem juntos, e apesar deles nunca terem casado, Kath acha que o estilo de vida que eles levam é o melhor para os dois. Como Richard, Kath não se vê casado, e com os acontecimentos de sua vida, aprendeu a amar de uma maneira diferente e consegue compreender em certos gestos seu irmão, apesar de odiar a maneira que ele ainda a trata e como ele é tão parecido com seu pai em relação a ciúmes. Tem morado com Richard desde que saiu de Der, e estudado em Sileas como ele, apenas aprendendo coisas que julga gostar, pois estudar sempre foi algo que a libertou de todos os monstros que surgiram em sua vida. Não se vê trabalhando, não gosta da ideia de trabalhar e acha que poderia viver a vida inteira estudando e saindo, já que geneticamente puxou o mesmo gene que seu irmão, que esconde a idade muito bem. Não tem interesse em nenhum dos empreendimentos da família, e nem de administrá-los. Gosta deles porque eles deixam ela viver da maneira que gosta e acha divertido.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Vida
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Eu desisto da minha vida...
» Nintendo Direct Amanhã
» Dúvida - Lord of the Rings - LCG
» Dúvida - Pandemic
» Eclipse - Dúvida

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Wizard Kids :: Flá :: KRÖEFF, Kath-
Ir para: