InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 KRÖEFF, Richard Audrich

Ir em baixo 
AutorMensagem
Flá

avatar

Feminino Peixes Cabra
Idade : 27
Mensagens : 32

MensagemAssunto: KRÖEFF, Richard Audrich   Seg Nov 28, 2011 9:07 pm

DADOS BÁSICOS
  • Nome completo: Richard Audrich Kröeff
  • Apelido: Rich, Rick, Ri, Kröeff.
  • Data de Nascimento: 18 de Março de 1986
  • Local de Nascimento: Heidelberg, Alemanha
  • Local de Residência: República de Faoinrún.
  • Idiomas: Alemão, Frances, Russo, Irlandes, Ingles, Galês, e outras mais que só sabe para compôr músicas.
  • Raça: Puro
  • Talento especial: Metamorfomago.
  • Sexualidade: Heterossexual
  • Relacionamento: Em relacionamento com Lily Monaghan
  • Patrono: Basilisco, por ser um animal que sempre teve admiração e curiosidade.
  • Bicho-Papão: Ver qualquer um dos Kröeffs mortos.
  • Escola: Durmstrang
  • Casa: Völsunga
  • Universidade: Sileas College
  • Formado: Estratégia Magimilitar e Tenebrologia
  • Fraternidade: Pertenceu a Runespoor Sophismata Fraternity
  • Varinha: Carvalho Vermelho com Saliva de Elfo-da-Bavária, 11.4 polegadas (29 cm), inflexível.[Flá] {Rödelhausen}


VIDA

    Nascido na Alemanha, era um bom garoto apesar de ser maltratado pelo pai e ver constantemente as agressões do meus com sua mãe. Inteligente, capacitado, educado, mas com um fogo interior jamais visto. Desde pequeno tinha vontade de influenciar ações e tentava a todo custo evitar que o pai machucasse sua mãe. Apesar de ter tempos difíceis com seu pai, cresceu aprendendo do pai a arte mais bela de todas: a de seduzir, e acredita ser a única coisa boa que aprendeu como pai.

    Por viver em constante mudança com seus pais, ganhou fluência em várias línguas, mas pela falta de prática acabou esquecendo a maioria delas. Com uma ótima memória, era sempre capaz de voltar a um lugar caso se perdesse de seus pais. Aprendeu a se vestir sozinho, a escrever suas próprias cartas, a desenhar e a tocar instrumentos por ter muito tempo livre e nenhum amigo com quem pudesse brincar.

    Antes de entrar em Durmstrang, entrou em uma escola trouxa para aprender a lutar com espada e arco a contragosto de sua mãe, mas Isaac achou que ele deveria saber se defender sem uma varinha, principalmente se fosse de trouxas. Aprendeu a cavalgar e começou a malhar. Ao entrar da Durmstrang, fez muitos amigos e era o primeiranista mais requisitado da escola. Todos sabiam quem ele era e queriam falar com ele. Ele tirava o brilho de muitos veteranos, que ou se juntavam a ele ou tentavam destruir sua reputação.

    Não só se destacava como pessoa, como também era um ótimo aluno e tinha bom relacionamento com os professores. Apesar de ser excelente em todas as matérias, conseguia seu maior desenvolvimento em Defesa Contra as Artes das Trevas, Feitiços, Poções e transfiguração. Para elas não precisava estudava mais do que o necessario para ir bem nos testes, e passou com louvor em todos os exames. Metamorfomago, ainda não tinha total controle, e por isso era fácil perceber quando estava irritado, pois seus cabelos ficavam bem mais escuros que o normal.

    Teve seu primeiro relacionamento no 5º ano. Namorou com a menina por 1 anos e 2 meses, mas depois terminou com ela porque havia se cansado dela. E durante boa parte da sua vida não se via muito tempo interessado por uma mesma pessoa. Nos anos seguintes, induziu muitas meninas, seduziu e acabou ficando com muitas. Tinha o status de o poderoso sedutor. Tirou a virgindade de muitas dessas meninas e teve alguns problemas com abortos mal feitos. Nas ferias, gostava muito de ir aos desfiles que a mãe promovia no hotel de seu pai. Era a data certa para se aproveitar de algumas modelos. Mas nao passava de carência afetiva.

    Nos dois últimos anos conheceu alguns meninos nas férias e montou com ele a sua banda. Ao sair da Durm, entou em Sileas, para se tornar um Auror, porque queria ter uma profissão bruxa, mas se dedicava mais a música do que aos estudos. E, nesta época começou a aquietar os hormonios e ver que nem tudo era o que ele queria. Se aprofundou na arte de seduzir, começou a se socializar. Ao ser chamado para a Runespoor, não tinham mais vagas pra alunos masculinos calouros, e então começou a dividir quarto com Lily Monaghan, que aceitou provisoriamente enquanto eles arrumavam instalações para ele. Mas ambos ficaram tão amigos que quando o quarto foi designado, Richard preferiu ficar com Lily.

    Já conhecia Alexander Theroux e ficou mais próximo dele estando na faculdade. Sempre que podia o chamava para alguns eventos de sua mãe, e ia a desfiles com ele. Até que Alexander começou a namorar Claire. Por respeito ao amigo, ele se controlava. Chegou a sair com outras meninas, mas o seu desejo era possuir Claire. Nao queria trair seu melhor amigo, mas ao descobrir que ele batia em Claire nao deixou por menos. No dia do noivado dos dois, em que ele era padrinho, levou Claire para cama. O ate entao novo homem galenteador e certinho, o que não queria mais se aproveitar das mulheres, o que chegou a ser novamente puro e correto em seus atos, voltou a ser o antigo Richard. Desde entao manteve um caso com Claire, e apesar de manter outros afins, amava ela com loucura. Prometeu sempre cuidar dela e nunca deixar ninguém machucá-la de novo.

    Começou também a se relacionar com Lily, que não apenas mais só dormia com ele. Ficaram várias noites juntos se curtindo e Richard era muito carinhoso com ela, apesar de ser bruto quando queria apagar seu fogo. Bem mais famoso pela banda, saía inúmeras vezes pra tocar com The Hexenmeister, uma mistura de Inglês e Alemão formando uma gíria que quer dizer Magia. E enquanto trabalha, via Clair poucas vezes, mas sempre dava um jeito de encontrar ela em algum lugar, fazendo da França um dos principais pontos de encontro dos dois. Pouco tempo depois, Alex descobriu que Claire estava traindo ele e terminou tudo e posteriormente acabou com a amizade dos dois. Após surtir o escândalo, Rickie firmou um namoro com Claire Depailler, tentando ser mais que um mero amante. Acostumado com sua vida de galanteador, de ser sempre o ultimo na vida de Clair, tentou se manter fiel o máximo de tempo que consegiu, mas ficou algumas vezes com Lily, e apesar de que não via maldade em seus atos com Lily, e embora traisse a namorada, era extremamente maxista e talvez nunca perdoaria Clair caso ela o traisse.

    Aos poucos Lily se tornou mais que sua parceira de quarto, ela era como um amor puro e antigo de infancia, como assim Rickie já declarou ter por ela. Vê em Lily uma amiga fiel, e uma pessoa que ele faria de tudo pra vê-la feliz. Tinha extremo carinho por ela e a tratava como uma criança as vezes, querendo ser o protetor dela e sentindo um ciume incontrolável dela. Não via mal em apertar, morder, beijar, fazer cafuné, trocar de roupa na frente dela, ou qualquer coisa que outras pessoas possam insinuar ser um grande caso, já manteve inumeras relações com ela, porque gosta e acha saldavel mostrar a ela o carinho que tem a parceira. Confia muito em Lily e vê nela um ponto seguro para qualquer coisa que queira fazer. Já levou-a em inumeros shows, e quando ela perdeu uma amiga, se encarregou de leva-la para sua propria casa para cuidar de Lily, mesmo que já nesta época namorasse Claire.

    Conheceu inumeras pessoas como Isabelle Gaubert, que acabou se tornando sua melhor amiga. Adorava encontrar com ela e irritá-la, mas de alguma forma muito natural eles começaram a se ver como amigos e apesar de fingirem não se gostar, confiavam muito um no outro e tinham uma relação estável, mesmo que Richard nunca tivesse ficado com ela. Em uma certa noite, Damian McLatrell contou que Claire estava mantendo uma pequena relação com ele, e Rickie com odio resolveu trair Clair com alguem que pudesse realmente machucá-la, já que Claire tolerava a relação de Rickie e Lily não surtiria efeitos, pois já era normal. Encontrando uma bela mulher no Pub, cujo nome era Cesira Richards, Rickie foi a cama com ela mais de uma vez, com muita raiva e sendo bastante bruco com ela, descontando seu ódio em Cesira, mas em momento algum aproveitar daquilo, pensando em Claire o tempo todo.

    Tudo isso acabou em uma bela briga, onde Rickie proferiu inumeras ofensas para machucar Clair, por ser arrogante e grosso quando esta com raiva. Chegou a machucar fisicamente Clair, mas obrigou Belle a nao falar a qualquer pessoa, pois ninguem falava sobre as surras que Claire tomava de Alexander e não seria aquilo que as pessoas lembrariam dele como namorado de Claire. Pediu a Lily que não desmentisse o fato de que ela estaria grávida de um Kröeff, e pediu a Belle que informasse sobre o estado de Claire, com medo de tê-la ferido muito. Fazendo tudo errado, muitas coisas vieram a tona. Rickie nunca foi um animal domesticável, e apesar de amar Clair, não via mal em relacionar com Lily, mas não faria nada com qualquer outra pessoa que não fosse sua fiel amiga e xodó. A decisão de trair com Cesira veio do fato dele sentir profundo odio de saber que Claire havia tratado ele como ela tratava Alexander, mesmo que descobrindo depois que era tudo mentira e ele havia sido injusto com Clair. Ele não iria noivamente atrás dela, e ela sabe que ele nao o fará.

    Restou a Rickie a noticia que seria padrinho do filho de Flyffy (Belle) e Pity (Peter), e a eterna amizade e carinho que Lily ofereceu ao saber da historia toda. E por mais que ele amasse Clair, ele não conseguiria ir atrás dela, mesmo pensando em pedir desculpas. Preferia que ela sintisse ódio dele do que compaixão. Neste momento acentuadamente conflituoso que viveu interferiu no seu humor, o ajudou a criar varias letras novas para sua banda e interferiu na sua relação com as pessoas, principalmente o Bombomzinho de Amarula dele. É obvio que sua relação com Belle não é a mais amigavel, mas por ser assim que ambos gostam um do outro, embora ela insista em dizer que odeia Richard. Ele implica com Flyffy de todas as maneiras possiveis e vê nesse passatempo uma maneira de se aproximar mais de pessoas como Belle. A tem como amiga e gosta disso.

    Pouco tempo depois, pela boca de Belle descobriu que Claire estava grávida e só então conseguiu pedir desculpas a ela. Foi carinhoso com ela durante toda a gestação, tentando compensar sua maldade anterior. Se sentiu sujo por ter sido parecido com seu pai. Ficou com elas mais algumas vezes, mas não reataram o namoro. Teve uma filha com Clair, que se chamaria Lyla, até que Clair mudou o nome sem o consultar. Isso fez com que Richard mudasse seus olhos perante Clair, e apesar de continuar sentindo amor pela mesma, tinha se decepcionado com ela por ter feito isso. Ele que mantinha uma otima relação, dizendo que mesmo que ela não entenda e aceite, ele a amaria do seu modo pra sempre, e honraria sua promessa, acabou se afastando um pouco de de Clair por sentir nojo do nome da filha, motivo pelo qual não chama ela pelo nome, nem quando a repreende. Amava incondicionalmente a filha e ainda se nutria do sentimento por Clair, mas não conseguiu perdoar Clair por ter feito isso.

    Se formou e se mudou para uma casa em Faionrún com Lily. Começou a trabalhar nas forças mágicas e a carreira como cantor estava no auge. Dividia seu tempo em ficar com Lily, ficar com Engel e trabalhar. Quando Engel tinha cinco anos, Lily ficou grávida por causa de um envenenamento. Nasceu Anika, sua primeira filha com Lily. Richard teve que dar tempo da sua carreira com a banda e até mesmo se dedicar menos nas forças mágicas. Trouxe Kath para morar consigo e Lily, enquanto ela ainda estudava e colocou a mãe em uma casa confortável onde poderia envelhecer em paz na Rússia.

    Fez show em grandes eventos, fechou os shows do primeiro WisardStock e granhou grande repercussão entre os mais novos. Em menos de um ano, Lily engravidou novamente e dessa vez deu a luz a gêmeos, Luka e Quora. Richard ficou dividido entre atender a necessidade de todos da família e como sempre foi protetor, manteve toda a família aninhada em suas asas, evitando qualquer contato desagradável com eles. Apesar de amoroso, era um pai bravo e queria que as coisas fossem da maneira dele, sendo Lily mais compassiva.

    Não consegue enxergar que agora ele não é mais tão necessário para seus filhos e por isso tem uma atitude repreensiva e ciumenta com todos eles, inclusive com Kath. Lily tenta sempre controlá-lo mas sua impulsividade é muito grande. Quando ficou sabendo que Kath tinha ficado com um cara na casa de Belle quase matou a irmã de tanto que bateu, se arrependendo amargamente de ter feito, mas achando que estava certo, assim como ficou muito puto de não ter sido avisado que Anika ia levar alguém, principalmente um menino, para a casa e que já havia sido combinado uma ida dela a casa dele. Só deixou ela realmente ir porque não queria deixá-la magoada, mas odiou saber daquilo tanto quanto odiou o menino só por ele estar interessado em Anika. Não consegue acostumar com a ideia de que a filha está namorando e só de pensar fica louco, da mesma maneira que só não espanca Peter por ele ser filho de Belle e seu afilhado, pois se pudesse mataria ele para ele nunca mais chegar perto de Engel. E este comportamento também se estende a Kath e Quora, embora elas não tenham pretendentes fixos que ele conheça.


RELACIONAMENTOS/FAMÍLIA

PAIS
    Isaac Rauschenberger Kröeff: Herdeiro da famosa rede internacional e Hotel Rauschenberger que tem filiais na Alemanha, Áustria, Polônia, Liechtenstein, Dinamarca, Holanda, Suécia e Islândia. Foi um homem mesquinho, arrogante, ciumento, irritante, chato, impiedoso, cruel, machista e maldoso. Sempre tratou Lorelai muito mal, assim como Richard e Kath. Richard sempre odiou o pai e sempre fez de tudo para não depender do dinheiro dele. Quando descobriu que ele abusava de Kath, saiu em seu cuidado e ameaçava o pai de varias manerias. Confrontava ele sempre e não deixava que ele fosse um completo idiota com sua mãe e irmã. Quando ele morreu, Richard não sentiu remorso algum por ter tratado seu pai tão mal quanto ele tratava sua família.
    Lorelai Kruger Audrich Kröeff: Herdeira de uma rede de lojas de poções e herbáceas muito tradicional e antiga na região da Alemanha, Rússia, Ucrânia, Bielorrússia, Usbequistão, Cazaquistão, Geórgia, Azerbaijão, Moldávia, Quirguízia, Tadjiquistão, Armênia, Turcomenistão, Estônia, Letônia e Lituânia. Casou-se com Isaac por motivos financeiros de sua família. Nunca foi feliz com ele. Era maltratada e humilhada. Sua frustração era transpassada para seus filhos, que não conseguia proteger das maldades que Isaac fazia. Apesar disso amava os filhos, e Richard podia ver que seu pai havia deixado sua mãe doente. Tentou protegê-la como podia e quando seu pai morreu, procurou a melhor maneira para ela se estabelecer e ficar mentalmente bem. Visita ela com frequência mas nunca levou seus filhos para conhecê-la pois não quer que eles vejam como seu pai foi cruel com ela.


IRMÃOS
    Katherinne Marie Audrich Kröeff: Única irmã de Richard, desde criança tem uma relação cheia de altos e baixos. Como cuidou dela desde muito pequena e protegeu de seu pai, tomou ela como uma filha e procura corrigi-la como se realmente fosse. Apesar de ser maior de idade, ainda trata ela como criança, e muitas vezes é violento com ela, mas se arrepende amargamente disso. Sente que Kath é muito intensa e que tem ambição por liberdade e prazer, e isso incomoda ele demais, e por não saber lidar, reage mal a maneira irreverente de levar a vida da irmã. Muito ciumento em relação a ela, tem as piores reações com ela, pois com a irmã não precisa se controlar tanto. Tem dificuldades de pedir desculpas para ela quando se arrepende, mas o faz. Odeia brigar com ela, mas é o que mais faz.


FILHOS
    Gabrielle Depailler Kröeff: Sua primeira filha e única filha com Claire. Durante anos foi a razão de sua existência. Fazia tudo por ela e não se cansava de ceder a seus caprichos. Um pai muito presente, educava sua filha da mesma maneira como educou sua irmã, e isso fez com que alguns de seus defeitos mais fortes fossem passados a Engel. Muito ciumento, odiava que ela chamasse o novo marido de Claire de pai e ficou emburrado varias vezes com ela por conta disso. Muito criança, conseguia entreter Engel com seu jeito, brincadeiras e sua música. Se tornou seu amigo e sempre confortou e defendeu ela de todas as pessoas. Odiava quando ela vinha falar com ele sobre Peter, por morrer de ciúmes dela mostrar que gostava dele, mas como ele era filho de Fiffly e seu afilhado, fazia vista grossa e segurava todo seu orgulho. Ama Engel intensamente e quando Anika nasceu, tentou de todas as maneiras compensá-la para que não pensasse que ele a estava trocando por outro bebe. Não admite de maneira alguma que ela cresceu e não depende mais dele, e quer morrer quando escuta que ela ficou com alguém.
    Anika Monaghan-Kröef: Sua primeira filha com Lily. Sempre teve todo cuidado com Anika, principalmente no que dizia respeito a Engel, pois não queria que ela achasse que ele tinha preferência. Amava tanto ela quanto a Engel e não queria que nenhuma das duas pensassem o contrário. Mesmo assim não conseguiu fazer com que elas fosse amigas. Richard a trata como uma bonequinha de porcelana que sempre precisa de cuidados. É carinhoso e tenta ao máximo se mostrar calmo perto dela, pois tem receio de assustá-la. Nunca realmente chegou a ficar bravo com ela, pois ela nunca deu motivos. É extremamente ciumento em relação a ela e a ideia de que tem alguém chegando perto dela deixa ele sem dormir de ódio. Nunca vai conseguir gostar de alguém que queira ficar com ela, mas é capaz de tentar se controlar por não aguentar vê-la chorando. Detesta como não consegue com que ela seja mais aberta com ele, e por isso, muitas vezes acha que ela não confia nele ou quer passar ele pra trás, sentimento que mata ele aos poucos. É capaz dos maiores sacrifícios por ela se ela pedisse, e também como acontece com Engel, não consegue enxergar que ela está crescendo e que cada dia mais não depende mais dele. Para ele, ela sempre vai precisar de seus cuidados, e só dos seus.
    Quora Isabelle Monaghan Kröeff: Não entende porque Quora acha que ele não gosta dela tanto quanto gosta dos seus irmãos. Tem uma certa dificuldade de ficar falando para ela o quanto ela é importante para ele, mas nunca deixou de fazer e não consegue descobrir onde está a falha de comunicação que faz com que ela ache o contrário. Mas na mesma medida que ama, se preocupa muito com ela, por ela ser muito parecida com Kath. Tem medo que ela se meta em encrencas e que se arrependa depois. Odeia descobrir as mentiras que ela conta para ele, pois não admite que ela não possa confiar nele, mesmo ele sendo impulsivo, exagerado e esquentado. Já bateu em Quora mais de uma vez, e se arrepende amargamente disso. Não gosta que ela faça as coisas nas costas dele, e ficou muito sentido quando descobriu que ela tinha colocado um piercing sem sua autorização. Porém puniu Kath e Engel, já que elas que levaram Quora para fazer o furo. Não desconfia de maneria alguma que Quora tem várias tatuagens com as suas letras, e se descobrir ficará muito puto. Como acontece com as outras duas filhas, com ela não é diferente, Richard se contorce de ciúmes dela, mas achava que teria as primeiras preocupações em relação a Quora e não a Anika, o que o tranquilizou, pois não sabe que Quora já está mais a frente que Anika, apesar de não namorar ainda.
    Lukács Tenebrus Monaghan Kröeff: As vezes fica assustado em como Luka parece consigo. Tem um ótimo relacionamento com ele e sempre estão conversando. Richard ensinou tudo que sabia para Luka e tem muito orgulho de quando ele conta o que faz, mesmo sem contar com quem faz. Sempre coloca ele pra vigiar as irmãs e a tia, mas sempre se irrita em como ele não chega a impedir que as coisas aconteçam. Gosta muito do filho e quer que ele seja o melhor em tudo. É o único pelo qual não sente ciúmes. Mantem um estatuto de coisas que Luka pode fazer e não pode, e espera que ele realmente obedeça. Entre o top da lista é não se envolver com a família de Fiffly e nem com a família de Claire, pedido que ele já desobedeceu várias vezes escondido de Richard.


AMIGOS
    Isabelle Gaubert: Chamada por ele de Flyffy, é sua melhor amiga desde o tempo da faculdade. Tem uma relação muito contraditória com ela. Ama irritá-la e começar pequenas discussões com ela, apenas pelo prazer de vê-la revirando os olhos ou bufando. Mesmo assim é uma das únicas pessoas que Richard consegue conversar abertamente e a única que conseguiu ser realmente amiga dele sem que ele tenha ficado com ela. Desde que Peter morreu, impôs-se como o protetor de Belle e de seus filhos, e mesmo ela tendo casado depois, não deixou de ser próximo dela, sendo também a única pessoa da qual Richard é próximo e ele não tem ciúmes. Nunca a chamou pelo nome e isso permanece até hoje, e não liga se acharão que ele está a desrespeitando. Por sua afinidade e por realmente gostar de Flyffy, deu o nome de Isabelle para sua filha, em homenagem. Mas nunca admitiu isso, sempre diz que achou bonito a combinação e não tem nada relacionado ao fato de Flyffy ser sua amiga.


INIMIGOS
    Lorenzo Giovannardi: Não gosta dele de maneria alguma, mas procura tratar ele como uma pessoa normal. Seu ódio mortal por ele começou quando Claire iniciou relacionamento com ele. Mesmo separado de Claire, Richard afirmava nunca ter parado de gostar dela e não iria de maneira alguma deixá-la de lado, pois tinha prometido cuidar dela e ia fazer isso a todo custo. O sentimento piorou quando Richard descobriu que Engel também o chamava de pai. A partir desse dia tenta ao máximo não precisar dirigir a palavra a ele, e muito menos olhar para ele. Não sabe medir o tamanho do seu ciúme por Engel e por Claire e se não fosse magoar as duas, não ligaria de sumir com ele.
    Alexander Theroux: Seu amigo de longa data. Mesmo antes de entrar em Sileas ambos se conheciam e eram muito próximos. Quando se mudou para estudar em Sileas descobriu que Alexander era noivo de Claire Depailler e ficou deslumbrado com sua beleza. Foi chamado para ser padrinho do casamento dos dois, mas quando descobriu que Claire apanhava de seu amigo, se rebelou contra ele. No dia do noivado Richard tomou Claire para si e prometeu nunca mais deixar alguém fazer algum mal a ela. Traiu a confiança do amigo durante meses até ele descobrir e terminar a amizade e semanas depois morrer misteriosamente. Apesar da morte do mesmo, Richard o considera como inimigo e não sente remorso por ter ficado com Claire enquanto eles ainda eram noivos.
    Damian Fleo: Costumava considerá-lo um bom acompanhante, mas tudo mudou depois que ele fingiu ter ficado com Claire. Culpa ele pelo fim do relacionamento com Claire. Odeia como ele conseguiu manipulá-lo e como ele caiu facilmente na conversa dele. Espera nunca mais vê-lo pois fará da vida dele um inferno e se tiver a mísera oportunidade é capaz de esquartejá-lo e espalhá-lo por todo o mundo.
    Abelard Barrister: Foi o último namorado de Lily. Nesta época, Richard já tinha uma relação forte com Lily e morria de ciúmes de Abelard, mesmo estando em relacionamento sério com Claire. Como Richard e Lily dividiam quarto na fraternidade e sempre dormiam juntos, Richard sempre colocava na cabeça de Lily que ela devia largar Abelard e ficar apenas com ele, mesmo que no momento Richard estivesse comprometido e não fosse trair Claire. Odeia ele tanto quanto odeia Lorenzo e Alexander e o dia em que Lily terminou com ele, Richard fez uma festa. Não admite de maneira alguma que ele chegue perto de Lily novamente e só de pensar na possibilidade é capaz de explodir a primeira pessoa que vir a frente, com esperanças que seja ele.
    Peter Fireway e Jasper O'Rowth: Não são propriamente seus inimigos, e nem os únicos, mas são os que tem nome para Richard. Sente muito ciúmes deles com suas filhas, e uma pitada de ódio por não poder fazer nada. Tenta ao máximo ser cordial com ambos, principalmente com Peter que é seu afilhado, mas não consegue controlar seus sentimentos e como eles fazem com que ele sinta que está perdendo suas filhas.


AMORES/EX-AMORES
    Claire Depailler: Se apaixonou por ela desde a primeira vez que a tinha visto. Sempre definiu Claire como uma versão feminina sua muito mais incrível que ele mesmo, porém mais metida e nogentinha. Seu relacionamento com ela começou quando ele a fez trair seu melhor amigo, e nunca foi um relacionamento calmo. Muito parecidos, suas ações um para com o outro sempre tornaram o relacionamento divertido mas na mesma medida cruel. Cheio de agitações, Claire e Richard viviam as coisas intensamente e sem se importar com mais ninguém além deles e de muitas formas a paixão os consumia. Não demorou muito para assumirem um relacionamento sério. Mesmo namorando Claire, Riachard nunca deixou de dividir quanto ou dormir com Lily, embora não fizessem nada demais, e Claire tinha que conviver com isso, pois ele não via motivos para parar com isso. De todas as maneiras tentava surpreender Claire, mesmo antes de assumirem o relacionamento. Sempre queria mostrar que tinha poder sobre ela, que faria com que ela fizesse qualquer coisa, até o que ela nunca pensaria em fazer porque estava com ele, e com ele ela conseguiria fazer tudo, ou ele faria com que ela fizesse tudo. E apesar de seu gênio sexualmente agressivo, após o início do namoro, começou a ficar mais carinhoso e cuidadoso. Mais do que querer surpreendê-la e mostrar que com ele ela podia fazer o que quisesse, e ir aonde quisesse, também demonstrava o quanto ela mudava seu mundo de perspectiva. Porém era muito ciumento, e quando Damian Fleo disse que Claire tinha ficado com ele, acreditou nele e terminou o relacionamento com ela a humilhando. De orgulho ferido e muito magoado com o que havia aconteceu, demorou a ver que tudo não se passava de um engano e então era tarde demais, não conseguia admitir que tinha errado, e mesmo vendo que iria perdê-la, preferiu manter seu orgulho intacto. Não foi um período bonito, mesmo porque ele se sentia mal por ter falado mentiras para Claire e por ter feito o que prometeu protegê-la. Pouco tempo depois descobriu que Claire estava grávida e pediu desculpas a ela e procurou recompensar de todas as maneiras seu mau comportamento. Não tinha orgulho do que tinha feito e nem das suas decisões, mas não sabia como mudar aquilo que tinha feito. Richard deu total apoio e suporte a Claire durante a gravidez, cuidando dela, dormindo várias noites com ela para poder atender seus pedidos. Em alguns momentos foi extremamente carinhoso e sem premeditar, ficaram bem próximos novamente, praticamente como se tivessem reatado o relacionamento, mas apesar de terem ficado muitas vezes durante a gravidez de Engel, não reataram o relacionamento e logo mais Claire se casou novamente. Apesar da de todos os contratempos, de todas as coisas que aconteceram com eles e depois a separação, sempre disse que nunca deixou de gostar de Claire como sempre gostou desde a primeira vez que a viu e que continuaria protegendo ela mesmo que ela achasse que não fosse mais preciso, e mesmo ele tendo feito com que ela sofresse. Apesar de não perdoar ela por ter mudado o nome de sua filha de Lyla para Gabrielle, tenta superar isso da melhor maneira que encontra e ser amigo de Claire para o que ela precisar, porque estima a sua companhia e gosta de tê-la por perto. Não sabe que Claire colocou o nome na filha, pois ela nunca colocou, e por isso nutre esse ressentimento que faz ele ser contraditório sobre suas ações, uma hora rude com Claire, e outra hora carinhoso e divertido. Respeita a decisão dela de se casar novamente, mas de maneira alguma se mostra aprovando isso, e fala abertamente que a ama, mesmo que isso irrite outras pessoas, pois não sabe não ser sincero sobre seus sentimentos e não gosta que o analisem como se ele impor ou se modificar porque não gostam de suas atitudes. Ainda tem bons momentos de diversão com ela, apesar de estarem em relacionamentos estáveis diferentes, com coisas que só eles entendem, e sente falta de ser mais próximo. Foi a primeira mulher para quem ele se declarou e uma das únicas que pode dizer que ele fez com total sinceridade.
    Lily Bryce Monaghan: Quando entrou na Runespoor, não tinha mais quartos masculinos para serem divididos, então Richard começou a dividir quarto com Lily. Depois do primeiro encontro, a amizade foi crescendo bastante e evoluindo a cada dia. Richard não via problema em dormir com ela todos os dias, e nem cumprimentá-la com um selinho. De certa forma isso virou a marca dos dois, e mesmo estando em relacionamentos diferentes, nunca deixaram de se comportarem dessa maneira. Viu em Lily uma amiga muito fiel e principalmente, bonita. Costumava contar a maior parte das suas coisas para ela, pois gostava de conversar com ela, e principalmente, porque gostava de dormir com ela perto e queria que nunca o assunto acabasse para eles sempre se terem perto um do outro. Era encantando como eles conseguiam calma e cumplicidade e se apaixonou pela maneira como eles conseguiam se contrastar. Em muitos aspectos concordavam, mas eram muito diferentes e essa diferença sempre atraiu Richard, pois era algo que ele não conhecia, a calma e a tranquilidade. Mesmo assim tinham momentos muito insinuantes e intensos, e a cada gesto as manifestações de carinho aumentavam, trocavam apelidos cafonas e crescia a cumplicidade. Ficou varias vezes com ela antes de namorar Claire e o relacionamento não esfriou por estar em um relacionamento sério. Na mesma época Lily namorava e apesar de Richard odiar o cara, fingia ter respeito por ele. Seus carinhos e vida com Lily não desaceleraram de maneira alguma pelo status 'relacionamento sério' e mantinham tardes e noites muito divertidas. Quando terminou o relacionamento com Claire, usou o nome de Lily para magoar Claire e se arrependeu amargamente por isso, principalmente por Lily não aprovar o que ele fez. Voltou a ficar com Lily e apesar de passar mais tempo com Claire, durante a gravidez de Engel, sempre arrumava uma maneira de estar com Lily. Desde que Claire se casou novamente Lily e Richard estão juntos. Richard ficou com algumas pessoas, mas sempre voltava a Lily, com quem começou a dividir uma casa e trabalhar junto. Richard gosta de como coisas simples com eles parecem muito mais divertidas do que aparentam e de maneira alguma negou seus sentimentos a Lily. É companheiro dela, e apesar de em muitas coisas pensarem diferente, conseguem um meio termo para educar os seus filhos. Não se casaram porque nãos se viram fazendo o mesmo. A relação já era forte e sólida o suficiente para agradar os dois. Apesar de terem quartos separados, sempre dormem juntos, não se deixando cair na monotonia.

APARÊNCIA
    Corpo definido e atlético, é moreno claro, tem os cabelos cabelos originalmente castanhos escuros e lisos. Corpo em forma, não esbanjando músculos mas também não é magricelo. Seus olhos são azuis, mas assim como os cabelos, eles mudam de cor facilmente, por ser Metamorfomago. Ama deixar a barba crescer para ter um ar mais sério e sábio, mas não tem paciência para mantê-la por muito tempo. Tem preferência pelo cabelo maior, mas gosta bastante de alternar sua aparência, mudando sua fisionomia raramente, só quando quer passar desapercebido. Tem estilo próprio de se vestir, não ligando para o que as pessoas acham dele, porém tem bom gosto e está sempre bem arrumado ou no mínimo sexy. Tem um sorriso irresistível e um olhar cativante. Suas expressões são consideradas desarmadoras e sexys. Sempre tem alguma maneira de seduzir para o bem ou mal as pessoas. Possui ótima postura e faz questão de mantê-la, pois acha que a postura diz muito sobre um homem. Desde novo cuida muito bem da sua aparência, e como cantor do The Hex, gosta de performances ousadas, por isso não economiza em ousar maquiagem ou qualquer tipo de coisa que ajude a encarar o palco de maneira criativa e ousada. Pesa setenta e seis quilos e tem um metro e oitenta e quatro de altura. É ambidestro mas tem preferencia pela mão direita. Veste-se da forma que acha conveniente para a situação dada. Geralmente pode ser encontrado de camisa social 3/4 e jeans, mas varia muito. Chega a usar de camisetas ao mais fino pano em um terno chique, mas isso depende unica e exclusivamente com o lugar e a situação que vivencia. Usa cores variadas, de acordo com o seu humor e isso influi diretamente na cor dos seus olhos. Tem uma cicatriz pequena na mão direita como única marca não premeditada no corpo. Possui tatuagem nas panturrilhas, nos antebraços, no pulso e perto do osso da clavícula do lado direito. Apesar de ter mais de quarenta anos, de maneira alguma aparenta a sua idade, e é assim desde mais novo, sempre usando isso como arma.

PERSONALIDADE
    Tem personalidade própria e forte, detesta ser considerado mais um no grupo. Faz questão de demonstrar sempre suas opiniões. É a inteligênte, tem um sorriso irresistivel e é bastante galanteador com as mulheres. Respeita as tradições, é mimado, impetuoso, teimoso, estrategista, egocentrico, maxista, ignorante quando quer e narcisista. É um homem decidido. Gosta de organização, limpeza e pontualidade. Detesta falta de compromisso por parte das outras pessoas, já que se mostra extremamente responsavel. Cumpre todos os seus deveres em tempo hábil. Para ele tudo devia ser perfeito, simétrico e harmonioso. Está quase sempre alegre e possui relação social harmonica, mas existem períodos em que ele se desequilibra. Sabe separar amigos de negócios, prefere manter um ideal a salvo que sua própria pele. Muito educado, geralmente trata as pessoas de um modo exageradamente formal. Respeita as tradições, é estrategista e mas ao mesmo tempo se mostra bem ao contrario. É ligeiramente autoconfiante e detesta ser deixado de lado ou ser ignorado quando fala, mas dissimula quando isso acontece. É carinhoso, paciente, extrovertido, o que o faz ter jeito com crianças. É bastante cauteloso. Não tem dificuldades de dialogar com pessoas desconhecidas, embora nao goste. Às vezes usa de uma pequena pitada de humor negro. Quando sozinho em seu quarto gosta de ler livros, compor musicas, tocar seu violão e outros intrumentos. Ama viajar e conhece diversos lugares. Sabe lidar com as mulheres mas não tem o mesmo pensamento que elas. Diz que nunca deixou de amar as mulheres por quem declarou amor, embora só tenhe falado isso a duas pessoas além de sua irma e filhas. Tem bom relacionamento com a mãe, embora ela seja rude. Nunca teve afinidade com seu pai, e mesmo este estando morto é respeitado por Richard como se tivesse vivo. Possui concepção de amor muito flexivel, é galanteador e simpatico, mas bem chato e maldoso quando precisa, as vezes cruel. É extremamente possessivo e ciumento, além de explosivo quando submetido a situações que despertem esses sentimentos. Muito orgulhoso, é capaz de perceber que está errado mas daí a pedir desculpas ou reparar seu erro tem um grande abismo. É super protetor com a família e é capaz de matar por seus filhos e amigos, e de maneira alguma aceita que tentem fazê-lo de bobo, principalmente se for pessoas de quem ele gosta e preza.



TODO MUNDO SABE QUE...

  • É Major das Forças Mágicas Faoinrúnenses.
  • Vocalista do The Hexenmeister.
  • É extremamente ciumento.
  • Tem uma filha com Claire Depailler.
  • Não gosta do nome da primeira filha e só a chama pelo nome quando está realmente bravo. Nas demais ocasiões chama ela de Engel.
  • Vive com Lily Monaghan, Marechal das Forças Mágicas Faoinrúnenses, que é mãe de seus outros três filhos, porém não são casados.
  • Escreveu músicas sobre seu relacionamento com Claire.
  • Escreveu músicas sobre seu relacionamento com Lily, mas a maioria não chegou a gravar.
  • Escreveu uma música sobre sua irmã, mas não admite qual tenha sido.
  • Compôs músicas com outros artistas para outras bandas e para o The Hex.
  • É padrinho de filhos de Isabelle Gaubert.
  • Foi autor de alguns barracos familiares envolvendo sua irmã, Kath.
  • Sempre se dedicou mais a música do que a carreira militar.
  • Não suporta que tentem fazê-lo de bobo.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
KRÖEFF, Richard Audrich
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Wizard Kids :: Flá-
Ir para: